Integrando a Kehila judaica do Brasil & Israel.

O site est√° em fase de implementa√ß√£o, portanto¬† est√° sujeito a constantes atualiza√ß√Ķes e melhorias.
Por favor nos comunique caso verifique algum problema de má funcionalidade. E enquanto isso, sinta-se à vontade para verificar nossa seção de notícias, avisos, empregos entre outras páginas que já estão em funcionamento.

19 Shevat 5782 (21/01/2022)

 19 total views,  1 views today

Seu cantinho de informa√ß√Ķes, dicas, crescimento, aprendizado e muito mais!

ūüßŅ Farmac√™uticos do Rambam presos por administrar medicamentos vencidos

ūüßŅ Farmac√™uticos do Rambam presos por administrar medicamentos vencidos

Tr√™s farmac√™uticos do Hospital Rambam, um deles diretor da farm√°cia na √©poca dos incidentes, foram presos, suspeitos de fornecer medicamentos vencidos a pacientes com c√Ęncer entre 2016 e 2017. Parentes de pacientes atendidos no Servi√ßo de Oncologia do Rambam naqueles anos ficaram chocados com a not√≠cia. “A revela√ß√£o do caso nos deixou em um choque profundo”, disse a advogada Liora Ohana, que perdeu seu pai em agosto de 2017. ‚ÄúEu n√£o consigo acreditar que um hospital em Israel, especialmente o Rambam, que goza de uma reputa√ß√£o internacional, forneceria medicamentos vencidos e muito mais para pacientes com c√Ęncer. Isso √© algo imperdo√°vel. Espero que o hospital assuma a responsabilidade e indenize todos os demandantes de maneira adequada e respeitosa, sem ter que travar uma batalha judicial cansativa e longa. Pelo menos eles dar√£o a minha m√£e a oportunidade de chorar silenciosamente, sem lutas legais”. Desde a revela√ß√£o do caso pelo Yedioth Ahronoth, a√ß√Ķes de responsabilidade civil foram movidas no tribunal de Haifa por dezenas de fam√≠lias de pacientes e falecidos que foram hospitalizados no departamento de oncologia naqueles anos. ‚ÄúOs respons√°veis por esses atos t√™m que pagar por seu descaso com a vida humana”, disseram os advogados. ‚ÄúAcho que nunca houve um caso mais s√©rio no sistema de sa√ļde do Estado de Israel‚ÄĚ, disse advogado Assaf Shubinski, que perdeu seu pai que fazia tratamento neste hospital. Fonte: Ynet