Qual é a atmosfera em casa? / A Nota Diária / Sivan Rahav-Meir:

Tradução: Gladis Berezowsky e Yeshayahu Fuks

É difícil quando o cônjuge não está feliz conosco e a esposa de Korach não estava feliz… A porção da Torá desta semana, parashat Korach, fala da terrível e famosa disputa entre Korach e Moshe e Aharon. Mas, nos bastidores dos grandes eventos, existem pequenos motivos. Por que Korach decidiu se rebelar contra a liderança de Moshe e Aharon? Afinal, ele tinha um papel significativo, uma boa família e muito dinheiro (há inclusive um ditado em hebraico que descreve alguém super rico como “rico como Korach”). Os sábios nos dizem que sua esposa reclamava dia e noite: Por que Moshe e Aharon ocupam uma posição mais elevada? Por que você não progride na vida? Korach ouviu – e foi influenciado.

Mas dentro dessa trágica controvérsia, outro personagem aparece: a esposa de Ben-Pelet. Seu marido já havia começado a seguir Korach, mas ela, em sua sabedoria, conseguiu impedi-lo no último minuto de se juntar à polêmica e salvou sua vida.

O mundo está cheio de controvérsias, ideologias e declarações dramáticas. Um olhar mais atento revela o quanto os familiares nos influenciam, o quanto o núcleo familiar nos molda, nas pequenas conversas entre a cozinha e a sala. Nossos comentaristas aprendem com isso como é importante verificar quem são as pessoas mais próximas que nos cercam, qual é seu tom, qual é a atmosfera criada, em que direção na vida eles estão nos empurrando.

Shabat Shalom.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *