Qual é o sonho de Ishay Ribo?

Centenas de meninas ouviram Ishay Ribo falar esta semana no workshop de Nifgashot. Aqui estão alguns dos belos pensamentos que ele articulou nesta ocasião:

“Para esta geração, a música judaica é parte integrante da vida. Na minha opinião, esta não é uma tendência. Isso durará para sempre e só aumentará. Lentamente, mas certamente, haverá mais música popular com conteúdo real, profundidade e espírito. O que vemos hoje é apenas o começo”.
“Eu era um soldado, casado e pai de uma criança quando comecei a gravar. Naquela época, pedi a HaShem que me concedesse um sustento da música, mesmo que fosse da forma mais mínima. deveria ter dinheiro suficiente para trazer para casa para poder fazer o que amava. Hoje, em momentos de grande sucesso, no palco da Cesareia, tenho me esforçado para lembrar aquele momento em que estava disposto a sacrificar tudo para que vinte pessoas concordem em ouvir uma de minhas músicas. Lembrar daquele momento me dá um senso de proporção”.
“Minha família fez aliá da França quando eu tinha oito anos de idade, e estou muito feliz que eles fizeram. Meu sonho é fazer uma turnê de apresentações para comunidades judaicas em todo o mundo sob a bandeira de ‘Retorno para Casa’.” Essas aparições serão minha contribuição pessoal a quem luta contra a assimilação ou contra o antissemitismo, para lembrá-los de nossa verdadeira identidade. Quem tem família na Diáspora deve ser embaixador e influenciar os outros – agradavelmente, sem coação – para voltar para casa. Nosso privilégio de viver aqui não pode ser dado como certo. Hoje são tantos os problemas na Diáspora que muitos se perguntam se aquele é o lugar para eles. Em minha opinião, devemos viver aqui com alegria e com a confiança de que este é o melhor lugar do mundo para se estar. Então, as massas de judeus da Diáspora certamente virão.”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *