Reabastecimento após os feriados

Estamos todos cheios de planos e ideias empolgantes para o novo ano e, no entanto, por outro lado, estamos cansados e apreensivos e sobrecarregados de atribuições monótonas. O seguinte comentário sobre o Parashat Bereshit pode nos dar força:
A parashá começa em um clima de celebração com a criação do universo, mas aparentemente termina em tragédia. Adão e Eva pecaram. Mas note que mesmo depois do exílio do Jardim do Éden, após o pecado e suas consequências, está escrito na Torá: “E HaShem os enviou do Jardim do Éden.” No livro “Sefat Emet” está escrito: “‘E HaShem os enviou do Jardim do Éden’ é a linguagem de Shlichut (sendo enviado em uma missão).” É verdade que Adão pecou, mas ele foi exilado do Jardim do Éden para este mundo não como vingança, mas para auto retificação. Não para ser punido, mas para cumprir uma missão. E este é o nosso propósito. Devemos sair para o mundo e começar a transformá-lo no Jardim do Éden. Mais adiante, a Torá nos fornecerá muitas ferramentas para refinar a realidade até que se pareça com aquele jardim.
Isso nos dá uma perspectiva completamente diferente sobre nossas vidas e pode até mesmo nos inspirar a abraçar nossa rotina – preparar sanduíches para as crianças levarem para a escola, ir para o trabalho, conhecer pessoas ao longo do dia. No entanto, essas tarefas diárias não precisam ser consideradas comuns ou sem propósito, mas sim como parte de nossa missão divinamente ordenada neste mundo.
Shavua tov.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *