Uma oração pós-festas

O Rabino Zavik Harel escreveu a seguinte oração pós-festas:

“Nosso Pai nosso Rei, reúna todas as faíscas de santidade:

Pegue todo o cansaço que foi jogado de lado por jovens e velhos, que se levantaram com total devoção no meio da noite para dizer Selichot.

Pegue os milhões de moedas que foram dadas como tzedaka (caridade/justiça) para os pobres em todo o mundo.

Pegue os milhões de toques de Shofar que foram ouvidos nas sinagogas, em orações ao ar livre, em casa no isolamento, em departamentos da corona de hospitais – em todos os lugares onde os bons pensamentos da nação de Israel foram despertados pelos sons do Shofar.

Aceite os jejuns da nação de Israel no Yom Kipur – nas cidades, assentamentos e kibutzim.

Pegue as milhões de lindas resoluções que foram feitas durante o serviço de oração de Neilah.

Reúna todos os esforços para adquirir as quatro espécies e construir a sucá.

Pegue todas as decorações que as crianças prepararam para embelezar a sucá.

Considere todas as tentativas feitas para se alegrar por aqueles que têm grandes expectativas – os solteiros e solteiras, os divorciados, os viúvos, todos aqueles com uma cadeira vazia na sucá ou no coração, que ainda conseguiram ser felizes durante Sucot.

Leve toda a hospitalidade, rostos sorridentes e amor pelos outros judeus demonstrados durante as festas de fim de ano.

Pegue os milhões de pares de sapatos que dançaram alegremente com a Torá enquanto circulavam a bimah durante as Hakafot em Simchat Torá.

Pegue a dor de cabeça de todas as famílias com parentes no exército e forças de segurança, equipes médicas e outros funcionários públicos, que não celebraram as festas com seus entes queridos, para que pudéssemos comemorar.

E nos dê um ano de saúde, paz, prosperidade, alegria e sucesso.”

* Essas palavras são dedicadas à cura dos feridos e à elevação das almas dos mortos no acidente de trânsito no Norte de Israel.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *